Mostra Internacional de Cinema em São Paulo apresenta nove filmes inéditos no Brasil que receberam apoio do Projeto Paradiso

A 45ª edição da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, que acontece entre os dias 21 de outubro e 3 de novembro, apresenta nove filmes e coproduções nacionais que tiveram apoio do Projeto Paradiso, por meio do programa Brasil no Mundo. Durante o festival, que será realizado em formato híbrido, com exibições em salas de cinema e on-line, em plataformas digitais, o público poderá prestigiar as seguintes produções ou coproduções apoiadas pelo Projeto Paradiso, que foram exibidas, até então, apenas em festivais internacionais.

São eles: A Felicidade das Coisas, de Thais Fujinaga – vencedor do Primer Corte do Ventana Sur e exibido no Festival Internacional de Roterdã; Deserto Particular, de Aly Muritiba, selecionado para o Cinélatino – Festival Rencontres de Toulouse e eleito pelo público como melhor filme na Jornada do Autor, paralela ao Festival de Veneza; Madalena, de Madiano Marcheti, que passou pelos festivais de Roterdã, San Sebastian e pelo Festival de Cinema Latino-Americano de Biarritz; Salamandra, de Alex Carvalho, exibido na Semana da Crítica do Festival de Veneza.

Também serão exibidos três longas que passaram pelo Festival de Cannes, na França: Marinheiro das Montanhas, de Karim Aïnouz, exibido nas Sessões Especiais; A Noite do Fogo, de Tatiana Huezo, que estreou na mostra Un Cértain Regard; e Medusa, de Anita Rocha da Silveira, que estreou na Quinzena dos Realizadores. A Mostra exibirá, também, as animações Meu Tio José, de Ducca Rios, e Bob Cuspe – Nós Não Gostamos de Gente, de Cesar Cabral, exibidas no Festival de Annecy.

“O Projeto Paradiso se orgulha de ver selecionados para a Mostra nove filmes que apoiamos neste último ano com o programa Brasil no Mundo, de estímulo à participação brasileira em grandes festivais e mercados no exterior. E estamos muito felizes com a renovação de nossa parceria com o evento, que mantém a relação com a Incubadora Paradiso, programa com foco em desenvolvimento de novos projetos”, explica Josephine Bourgois, diretora executiva do Projeto Paradiso.

A exemplo do que aconteceu na edição anterior da Mostra, as equipes com filmes selecionados para a Mostra Brasil poderão concorrer a uma vaga na Incubadora Paradiso 2022, programa de apoio ao desenvolvimento de longas de ficção do Projeto Paradiso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *