Michelle Rodriguez fala sobre sexismo em Hollywood

Michelle Rodriguez revelou as dificuldades que enfrenta como mulher em Hollywood e a falta de papéis não-estereotipados que são oferecidos a ela.

Em entrevista ao NJ.com, a atriz de ‘Velozes e Furiosos 7’ reclamou sobre os clichês que encontra e como ela lida com isso para evitar de escolher projetos errados.

“Eu sou muito exigente sobre os papéis que escolho. Eu não posso ser a puta. Eu não posso ser apenas a namorada. Eu não posso ser a garota que ganha voz ativa porque foi estuprada. Eu não posso ser a garota que tem voz ativa e depois morre.”

A atriz de 36 anos, que também participou de ‘Lost’ e ‘Avatar’, afirma que sua estratégia nem sempre facilitou as coisas para ela na indústria.

“Eu disse a mim mesma, olha, você vai apenas ter que criar seu próprio arquétipo, não importa se você vai à falência fazendo isso”, disse ela. “E eu quase fui à falência, duas vezes! Mas as pessoas finalmente entenderam: ok, Michelle não é maleável, você não vai influenciá-la com o brilho da fama e do dinheiro, e então eles pararam de me oferecer esse tipo de coisa. Mas você sabe, tem dois lados. Me ajudou e me ferrou. Estou presa às minhas armas e estou orgulhosa e as pessoas percebem isso. Mas eu também não realizei um filme desde ‘Boa de Briga'”.

Rodriguez, que já atuou em quatro filmes da franquia Velozes e Furiosos, também falou sobre seu desejo de se envolver mais criativamente, estimulada pela falta de vozes femininas em Hollywood.

“Tipo, em ‘Menina de Ouro’, por que ela tem que morrer no final, cara?” disse ela. “Tipo, eu entendo que ele faz chorar, mas você faria isso para um personagem masculino? Quero dizer, 80% dos roteiristas por aí são homens, e é claro que você vai escrever sobre o que conhece. Mas a culpa é nossa pelas mulheres não penetrarem nesse mercado, sabe? Não posso reclamar sobre os roteiros que estão por aí até que eu comece a escrever os meus.”

‘Velozes e Furiosos 7’ deve fazer $275 milhões de dólares em todo o mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.